Mercado

Drones ganham regularização da Anac e vídeos serão mais exigidos

17/05/17 - ISSOaí Design

Com regularização da Anac, drones podem ser diferencial na hora de se investir em vídeos publicitários.

Há um tempo atrás, o uso de drones em campanhas e até na área civil, ainda era um enígma aqui no Brasil. Porém, no começo de Maio, a Agência Nacional de Avisão Civil (Anac) resolveu dar um passo que ajudará o mercado a se estabilizar.

Para isso, ela aprovou a regulamentação do uso de aeronaves não tripuladas. Essa regulamentação ajudará produtoras e agências a se estabelecer e aumentar o investimento no produto.

Para ser mais exato, o novo regulamento indica que: “drones com mais de 250 gramas só poderão voar a uma distância de no mínimo 30 metros horizontais de terceiros, sob responsabilidade do piloto e de acordo com as normas de utilização do espaço aéreo do Decea. Já para drones com mais de 250 gramas voarem, é preciso que as pessoas abaixo concordem previamente com a operação e que a aeronave seja cadastrada no Sisant (Sistema de Aeronaves Não Tripuladas) da Anac. Além disso, a partir de agora, os órgãos de segurança pública farão a fiscalização de drones no dia-a-dia.” – Fonte: Meio & Mensagem

A preocupação com a regulamentação vinha crescendo, já que não havia uma legislação específica para drones. Com estas novas regras, as empresas precisarão ficar atentas para não serem multadas, e além disso, ajudará a separar amadores de profissionais.

Confira um exemplo de vídeo feito a aeronave não tripulada:

Colombo